• NossasLojas
  • 4020-5000
  • Aviso X
    Ocorreu um erro!
    Meu
    Carrinho

    0

    R$ 0,00
  • Que pena!

    Ainda não há itens em seu carrinho.

Filtros
Categoria
Preço
Marca

Tablet

A praticidade de um tablet é incomparável. Com versões distintas, o aparelho é essencial para estudar, trabalhar, se divertir e organizar as atividades do dia a dia, enfim. Na iByte temos as melhores opções para você. Venha conferir!

  • 32 60 90
    1. 1
    2. 2
    3. 3
    4. 4
  • 32 60 90
    1. 1
    2. 2
    3. 3
    4. 4

A ideia de um computador portátil sempre foi debatida e idealizada por todas as maiores empresas do ramo nos últimos 30 anos. Em meio a essa corrida tecnológica, muitos artigos inundaram o mercado.
No início, a intenção era desenvolver dispositivos que oferecessem funções como mensagens eletrônicas, agendas, calculadoras profissionais, recursos para anotação e afins. Houve uma quantidade de produtos que, em maior parte, afundaram no mercado pelo preço e falta de atualizações. Muitas dessas empresas sequer existem mais hoje em dia.

A Apple e a Microsoft, sempre líderes no páreo, tiveram algumas tentativas de sucesso, mas o conceito mais aproximado ao tablet atual veio por parte da Microsoft, no início dos anos 2000. O Microsoft Tablet PC era equipado com uma versão do Windows XP com algumas modificações para telas responsivas ao toque e canetas. Desempenhava o papel de um notebook ainda mais portátil e, apesar da série de aplicações e capacidade de navegar na internet, acessar mídias e afins tinha um alto custo e várias limitações.

Por anos, diversas marcas produziram seus portáteis com dispositivo de caneta tátil, alguns mesclados com celular, outros buscavam o aspecto mais robusto de um computador. Nokia, Lenovo, Siemens, Motorola, entre outras.


Ao final da primeira década do século 21, a Apple lançou o famoso iPhone, que mudou absolutamente tudo na forma como aparelhos de multimídia móveis eram imaginados. Integrando o sucesso do iPod com um celular e um computador, com um sistema operacional enxuto, intuitivo e muito bem arquitetado. Não demorou para que surgisse uma versão com tela mais ampla, bateria maior e mais processamento.

Seguindo o sucesso do iOs, dois anos depois surgiu o Android, que democratizou ainda mais o acesso aos sistemas operacionais de bolso. Diversas marcas produziram seus próprios tablets com base no iPad da Apple.

De lá para cá, anualmente todas as marcas lançam seus novos tablets com atualizações, cada vez mais robustos em processamento e slim na aparência. Há modelos variados, com telas grandes, portáteis, que unem celular e tablet, desenvolvidos especialmente para games, com tela de toque removível para ser usada individualmente ou junto do teclado e trackpad.

Praticamente todos os apps de celular podem ser encontrados nas suas versões para tablet. Há também aplicações mais pesadas e exclusivas, como potentes editores de vídeo e áudio e games.

Topo